Notícias

Grupo estuda como aumentar participação popular na Câmara

O Presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), criou um grupo de trabalho para sistematizar instrumentos de participação popular na Câmara - iniciativa que pode facilitar a apresentação de projetos como o que deu origem à Lei da Ficha Limpa. O grupo de trabalho será formado por deputados e servidores de diversas áreas da Câmara e vai avaliar também os diversos canais que a Câmara já mantém com a população, como o Disque Câmara, os e-mails dos deputados e o E-democracia. A idéia é integrar esses espaços, que hoje atuam de forma independente. Por exemplo, a Lei da Ficha Limpa surgiu da iniciativa popular, liderada por entidades da sociedade civil. O mesmo grupo já se mobiliza em torno da Reforma Política.

 

 

Créditos/ Câmara Hoje
Dep. Paulo Pimenta (PT-RS) - Coordenador do Grupo de Trabalho
Hanna Costa - Repórter
Nelson Calandra – Presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB)

Comentários
Sim! O poder popular deve ser aumentado! Mas o poder não emana do povo, como diz na constituição? Então, ó, excelentíssimos e nobres deputados, para que aumentá-lo? Não é mesmo?
Postado em 20/05/11 03:50.