Exportação de Dados do Fórum

Fórum

Revogação do Voto Obrigatório

Compartilhe este tópico:
Tópicos [ Anterior | Próximo ]
Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
24/07/13 15:29
O voto é algo muito importante. Escolher um político é uma tarefa difícil, é preciso pesquisar o passado político de antecedência. Assim, o eleitor pode ter certeza que o político é honesto e que o representa. Nem todo mundo pode fazer isso antes das eleições e votar nulo ou branco não é o que acontece neste caso. Uma boa solução é revogar a obrigatoriedade do voto. Com isso teremos votos mais conscientes.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
24/07/13 17:04 em resposta a Marcelo Amancio.
Como você disse o voto é algo muito importante e exatamente por isso todo cidadão deve ir votar. Se a pessoa não vota não tem o direito de reclamar de nada e com o voto facultativo não saberemos quem votou ou não no momento de uma passeata ou movimento de protesto. O risco é ter muita gente q na hora de votar não compareceu porem agora reclama. Com o voto obrigatório todos q estão em um protesto com certeza teve de votar e agora tem o direito de questionar e se manifestar. A questão de saber em quem estamos votando se resolve com o voto distrital direto.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
24/07/13 18:37 em resposta a ORLANDO MONTENEGRO.
ORLANDO MONTENEGRO:
Como você disse o voto é algo muito importante e exatamente por isso todo cidadão deve ir votar. Se a pessoa não vota não tem o direito de reclamar de nada e com o voto facultativo não saberemos quem votou ou não no momento de uma passeata ou movimento de protesto. O risco é ter muita gente q na hora de votar não compareceu porem agora reclama. Com o voto obrigatório todos q estão em um protesto com certeza teve de votar e agora tem o direito de questionar e se manifestar. A questão de saber em quem estamos votando se resolve com o voto distrital direto.



Essa é uma questão complicada. Concordo que, o voto daqueles que não sabem qual o candidato mais preparado e comprometido para com o povo geralmente é manipulado pelas campanhas publicitárias mirabolantes, e assim seria melhor mesmo essas pessoas nem votarem. Sendo válida a proposta de desobrigação do voto.
Porém, ao desobrigar o voto não estaremos estimulando as pessoas a se engajarem politicamente em conhecer e exigir melhorias, e sim permitindo simplesmente o afastamento de uma consciência política.

Assim, defendo que nesse momento seria mais interessante revogar o voto obrigatório, até fortalecermos uma consciência política real. Concordo com o voto distrital direto. Mas acho que sempre haverá pessoas que não se engajam mas ficam reclamando, isso faz parte da cultura brasileira, de acomodação. Mas é possível mudar, tornar a política algo mais próximo de todos, afinal a democracia é isso, "as decisões do povo pelo povo para o povo"

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
09/08/13 20:29 em resposta a Gean Carlos Carlos Ramos.
Quando tivermos educação de qualidade e as escolas estiverem realmente formando cidadãos, talvez, devemos estudar a possibilidade do voto ser facultativo.

Por enquanto deve permanecer sendo obrigatório, afinal, a vida de todos é diretamente influenciada por aqueles que governam.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
09/08/13 20:57 em resposta a Mario B.
Caro Mario,

Entendo seu ponto de vista.

Mas tu achas que nos EUA eles são tão mais politizados que nós? E lá tem voto facultativo.

O voto facultativo dá uma liberdade para a pessoa... e deixa quem não se acha preparado a fazer a escolha dispensado de comparecer.

O Voto se torna um direito, não um dever.

Um abraço,

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
10/08/13 15:41 em resposta a Mario B.
Mario , voto obrigatorio é um ciclo de ignorancia sem fim.tudo que é obrigado não é bom pq seria diferente com o voto.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
10/08/13 16:47 em resposta a Rafael Marzall Zanotto.
Caro Rafael, tenho ciência que nos EUA nem todos são politizados e que lá também há desigualdades.

Mas sei também que na Europa um concluinte do equivalente ao nosso ensino médio saem da escola com mais informação com um graduado em administração.

Por isso, acho que antes revogar o voto obrigatório é melhor melhorar a educação, formar cidadãos com capacidade crítica e pouco manipulável.

Como os políticos trabalhar e influenciam a vida de todos, acho sim que votar é uma obrigação, pois, só assim temos o direito de reclamar depois.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
10/08/13 16:51 em resposta a Diego Rodrigues.
Você acha que se o voto não fosse obrigatório, os beneficiários do bolsa família votariam por consciência política ou por dependência estatal?

Nada contra a distribuição de renda nos moldes do bolsa família, que levou recursos para as regiões menos favorecidas e tem criado demanda que consequentemente que estimulam a economia local e atraem investimentos que vão gerar emprego.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
11/08/13 21:08 em resposta a Marcelo Amancio.
Olá a todos,

Digo a vocês que, a até poucos minutos, eu era um ferrenho defensor do voto obrigatório. Mas trago-lhes o que ouso acreditar ser uma opinião que poderá unir os dois lados, a saber, os defensores do voto facultativo e os defensores do voto obrigatório.

Vejam minha resposta a um colega nosso:

Olá Cristian te respondi lá no fórum que criei e queria compartilhar minha opinião com vocês.

Olha, se tem alguém aqui defendendo o voto obrigatório devo lhes dizer que, a um minuto atrás, eu também estava defendendo-o obstinadamente.

Aí o Cristian me abriu os olhos para uma coisa.

Nós que temos defendido o voto obrigatório assim o fazemos porque sabemos que os políticos são escolhidos não da forma democrática como seria correta, não com maciça participação das pessoas nos partidos, pois os filiados não elegem seus candidatos, mas são os chefes de partido que os elegem - OU, pelo menos, não são todos os partidários, nem muitos deles que tem direito a voto dentro do partido.

Mas nós não precisamos atrelar a anulação de uma eleição à obrigatoriedade ou não do voto. Isso porque se ficasse estabelecido que, se 50% + 1 dos eleitores faltassem uma eleição, ela seria anulada e se convocariam novas eleições, nesse caso é realmente indiferente se o voto é facultativo ou não.

E digo mais. Estabelecendo-se a anulação da eleição por ausência de 50% + 1 dos eleitores, isso ainda obriga a classe política e as demais pessoas a não permitirem que tanta gente assim não vote, porque se elas não votarem a eleição se anula do mesmo jeito.

Gente, sejam vocês a favor do voto facultativo ou não, espalhem essa idéia e vocês ganharão a aprovação de quem, como eu a minutos atrás, é a favor do voto obrigatório.

O que não se pode é deixar os partidos fechados em si, sem dar poder de participação aos filiados, que não tem poder de voto nas convenções partidárias.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
11/08/13 21:20 em resposta a -.
Acho que tem que instituir o recal , esse negocio de anular eleição é atraso , so desqualifica a instituições ainda mais , se 50% nao forem as urnas so lamenta a responsabilidade do eleito , pq ele sabe que se nao fizer algo bom , ele será tirado do poder facil facil , pois nao tem apoio popular , simples assim. Nao vamos complicar o que ja é complicado.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
11/08/13 21:44 em resposta a Diego Rodrigues.
Eu acho que anular eleição é moderno Diego. Na monarquia não se anula eleição e não há nada mais antigo e antiquado que o regime absolutista.

Complicado, a meu ver, é entender porque se os partidos podem escolher arbitrariamente candidatos eu não terei nenhuma forma de invalidar essa candidatura arbitrária.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
11/08/13 22:13 em resposta a -.
A solução é dar direito a candidaturas avulsas sem partidos , vc nao precisa esperar alguem se candidatar , você pode se candidatar , nos EUA é assim qualquer cidadão pode se candidatar a qualquer cargo . Nao precisa refazer eleições so pra demostrar meu protesto e minha indignação , pois se refaz a eleição com novos candidatos quem vai ser os novos candidatos ? A esposa de 1 o filho do outro , da na mesma . Tem que ter Recall e candidatura avulsa.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
11/08/13 22:38 em resposta a Diego Rodrigues.
Não há legitimidade num eleito por um voto, por 10% dos eleitores, 20%, 30%, 40%. Não, não, não concordo que é despiciendo a anulação de eleições por ausência da maioria absoluta dos eleitores. É algo fundamental à validação do processo eleitoral, a meu ver.

Olha, existe atos políticos, previstos em lei e na constituição que exigem a presença da maioria dos legisladores para se ter quórum de votação.

O momento mais importante da política é a eleição e querem ignorar que deve haveria maioria absoluta dos eleitores? Já não se está exigindo maioria de pessoas, mas de eleitores...

Não, não, não... Por um mínimo de caráter educativo e senso democrático nossas leis devem zelar. As pessoas não tem nem tempo para participar da política. Se não tivesse de licenciado não estaria aqui. As pessoas mal tem tempo para política e o mínimo que se deve fazer é impulsioná-las a essa participação. Não é com voto facultativo que conseguiremos isso. Não é ignorando que as pessoas não tem tempo para participar da política, não tem tempo para formarem partidos. Não ignorando o monopólio do poder partidário na mão de seus lideres.

Cada pessoa formará seu próprio partido pois cada um segue os ditames de seus líderes?

Não, os partidos tem que se democratizar, não podem funcionar libertinamente, e sim livremente.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
11/08/13 23:52 em resposta a -.
vc nao me respondeu , se cria uma nova eleicao , e quem vai ser os candidatos ? qual vai ser o diferencial pra fazer aqueles que nao foram votar ir ? tem que se fazer as pessoas se interessarem por politica, e isso é papel dos partidos.
se fizer outra eleicao os fornecedores de candidatos sao os mesmos, logo os produtos sao os mesmos, pouca diferenca mas a essencia é a mesma para chamar ou nao atencao da populcao de ir votar.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
12/08/13 01:32 em resposta a Diego Rodrigues.
Se na nova eleição não se tem candidato que te represente não vote nele (ou não vote, caso se o voto virar facultativo). Que se anule a eleição quantas vezes for necessário. Só assim os partidos se abrirão. Enquanto isso, continuam os políticos vigentes. Melhor o pior do que o muito pior. Mas se houver candidato adequado, aí vota-se nele. O importante é que haja a possibilidade de anulação da eleição caso não se atinja 50% + 1 dos eleitores votantes.

Ou quer dizer que se apenas uma única pessoa votar você vai considerar tal eleição legítima?

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
12/08/13 02:51 em resposta a -.
Nao é anulando eleição que vamos ter uma abertura nos partidos políticos , os mecanismos sao outros.
A população sim tem que forcar esta horizontalizacao . E outros dispositivos que citei aqui que podem ser mais eficazes. Anular uma eleição nao resolve o problema de falta de representatividade isso tem que partir dos partidos , se os partidos nao se modernizam esta na hora de buscarmos um novo jeito de fazer politica.

RE: Revogação do Voto Obrigatório
Resposta
12/08/13 03:20 em resposta a Diego Rodrigues.
MINHA MENSAGEM FINAL SOBRE ANULAÇÃO DE ELEIÇÃO

Olá Diego,

Nós conversamos muitíssimo aqui sobre anulação de eleição. Você é contrário e não irá mudar de opinião. Eu sou a favor da anulação por todos os motivos que tenho expressado, assim como você também apontou muitos motivos em favor de sua opinião.

Apenas gostaria de registrar aqui nesse fórum que a possibilidade de anulação das eleições permite, a meu ver, que o voto das pessoas tenha 100% de validade. Se há candidato que representa a pessoa, ela vota nele, se não há ela anula o voto. Apontei que há uma função nisso, a meu ver importantíssima, que é a convocação de uma nova eleição onde a pessoa escolheria um candidato que realmente a representasse. Você e outros apontaram que poderia acontecer de que nessa nova eleição não houvesse candidato adequado, poderia acontecer da eleição ser anulada de novo e de novo se precisar convocar outra eleição. Vocês apontaram que isso não seria viável, que isso seria caro. Eu apontei que o que não é viável é a manutenção de um sistema que exclui as pessoas da escolha dos candidatos nas convenções partidárias, de modo que a anulação da eleição, ainda que se repita indefinidamente, é o caminho a ser seguido pois é justamente essa inviabilidade de se continuar fazendo repetitivas eleições, que obrigará os partidos a permitirem que as pessoas indiquem seu candidatos, o que, evidentemente, fará com que não anulem o voto, já que elas mesmas indicaram o candidato de sua preferência. Apontei que é um absurdo que uma pessoa seja eleita se apenas um eleitor comparecesse à votação e da mesma forma é absurdo que alguém seja eleito por apenas 10%, 20%, 30% dos votos, sem maioria absoluta dos eleitores, já que para tantas outras coisas menos importantes que a eleição se exige maioria absoluta.

Devo estar esquecendo mais alguma coisa que foi discutido, mas esse é um resumo.

Certamente você vai responder a essa mensagem mostrando-se contrário, mas vou tentar finalizar, de minha parte, o assunto sobre anulação de eleição porque você não vai mudar a minha opinião, eu não mudar a sua. E ainda bem que podemos expressar nossas opiniões contrárias e isso não nos faz inimigos, pelo contrário, é bom discutirmos idéias.